4 dicas para uma viagem do México ao Brasil.

Como quase todos voces sabem, essas duas últimas semanas estive no Brasil. Poderia ser um evento cotidiano e nao ter nada demais, mais o detalhe é que em quase 4 anos que moro aqui, foi a primeira vez que voltei ao país. E claro , rendeu muitas histórias e possíveis posts pra dividir com voces.

Mas como ainda me encontro instável emocionalmente, vou deixar pra escrever depois sobre toda os sentimentos envolvidos e vou partir pra um post com dicas práticas pra uma viagem ao Brasil.




Primeiro de tudo vamos checar se nosso passaporte está no prazo de validade aceito né?
Mais de 6 meses para ida e para a volta, parece óbvio, mas, nao custa nada reforcar!




1 - Quando voce, residente no México, sai do país, recebe um formulário que tem que ser preenchido para a Migración: uma parte dele fica já na saída e a outra tem que ser entregue quando regressar ao país, ou seja, nao dá pra perder.





2 - Comprei as passagens com antecedencia, mais precisamente no Black Friday em dezembro, e consegui bons descontos, o que possibilitou a nossa ida ao Brasil. O melhor preco foi o da American Airlines, entao, tive que subir pra Dallas e depois,  descer pro Brasil. Isso envolve ter o visto americano vigente e mais paciencia pra gastar com escalas.

Quando em Dallas , nao precisei pegar minhas malas na esteira. A companhia aérea já direcionava a Sao Paulo, e pra minha sorte, ainda sao permitidas 2 unidades , de 32 kgs cada , por pessoa. Mas tive que passar pela Imigracao nos USA. Foi tudo simples e eficiente: existem quiosques com computadores , onde voce preenche dados no auto atendimento (tirando fotos e colocando as digitais....) e pra quem nao fala ingles, as instrucoes estao em  todos os idiomas, basta selecionar.  Voce pode depois disso, ter seu acesso direto ou, ser encaminhado a entrevista, que foi o meu caso. Perguntinhas simples e passamos pras próximas etapas: entregar o formulário pra Polícia Federal e depois passar no detector de metais.

ps: Estava viajando sozinha com minha filha menor de idade, e , no meu passaporte já tinha a autorizacao para viagem com um dos pais, ou seja,  nao  tive nenhum problema.

ps2: É legal voces checarem as normas de cada companhia aérea, elas nem sempre sao iguais.


Se voce sai do México direto ao Brasil, sem escala, voce só considera a Migración Mexicana, e o preenchimento do documento (conforme item 1)


3 -  Nao pedem nenhum tipo de vacina especial, nem no México, nos USA ou Brasil.


4 - O que posso levar/trazer na mala despachada? 









Vale lembrar que quando ingressar novamente ao México, suas malas passarao pela esteira do raio X, e voce terá que contar com a sorte: apertará um botao , se der vermelho eles revistarao suas malas, verde significa passagem sem revista.
(Rezei tanto, e gracas a Deus deu verde, trouxe 32 kgs de puros produtos de supermercado, e fiquei com medo de confiscarem!)


Eu estava super nervosa por ser a primeira vez que eu viajava internacionalmente sozinha! Na ida confesso que tremi um pouco, porque sempre meu marido foi o responsável por esses tramites. Mas deu tudo certo e infelizmente nao tenho nenhuma gafe engracada pra contar pra voces! Rs.
A única coisa fora do script, é que na volta, minha filha chorava tanto que uma policial veio me interrogar educadamente sobre o que estava acontecendo.
Expliquei tudinho e ela, com pena da Helo, ofereceu água e tudo. Deve ter pensado que eu estava sequestrando a menina....Faz parte! hahahaha.


E gente,  nao vacilem como eu: coloquem roupa de CALOR, mesmo sendo inverno, porque eu quase morri .... Deixem casacos, maquiagens, saltos, tudo aqui! Nao dá pra sobreviver nem ao outono brasileiro....rs Sem contar o que acontece com nosso cabelo.....MEU DEUS DO CÉU! Nem chapinha resolve.


Deixem eu digerir mais a situacao , que logo logo escreverei sobre  meu choque depois de 4 longos anos longe do Brasil! :)


SALUDOS.








Share:

2 comentários

  1. Lorena Nascimento24 de julho de 2017 10:34

    Melissa, primeiro te agradeço por todas as informações que passas por aqui, teu blog não é só interativo, se esse era teu objetivo falhou bem feio kkkkk teu blog é informativo e está me ajudando horrores. Eu estou com dúvida em uma coisa, tipo... eu pesquisei na receita federal os produtos que podem ou não trazer de um país pra o Brasil, quais são taxados e quais não, dai resolvi entrar no teu blog e vi algo totalmente diferente na aduana hahahaha me confundi, vc pode me ajudar? Se alguém vem do México pra ca, tem que seguir as regras da aduana mexicana ou da receita federal? No caso se for pra trazer produtos pra cá pro Brasil. E em relação à peso de bagagem? Isso é com a companhia área, creio eu!? Ahhh só uma dica construtiva, não sei se é só comigo, mas quando acesso o blog do meu celular não consigo fazer comentários, seria legal poder :) E muuuuito obrigada mesmo por todo o tempo que vc gasta nos ajudando, que sua vida seja cada dia mais abençoada. Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hola! Tudo bem? :) Muito obrigada primeiramente.... Vamos lá: o peso das malas voce tem que obedecer ao estipulado pela cia aerea que voce está voando. Quanto a aduana, se vc for entrar no Brasil, tem que respeitar a de lá, poir é lá que poderao fazer a inspecao das maletas...Vc tem duvidas quanto a algum produto específico? Quanto aos comentários é um pau do blogger mesmo, as vezes dá, as vezes nao.... Muita gente reclama, infelizmente. Besitos, e qq duvida pode mandar email: viviendoenelmexico@hotmail.com

      Excluir