México Segundo os Brasileiros - Querétaro

Entrevista - Querétaro


Querétaro (ex-nome oficial: Querétaro de Arteaga) é um dos 31 estados do México, localizado no centro do país em uma região conhecida como "Bajío". Limita-se com os Estados mexicanos de San Luis Potosí ao norte, Guanajuato a oeste, Hidalgo a leste, e México e Michoacán ao sul. Sua principais fontes de renda são a produção de autopeças, alimentícios, papel e turismo.
A sua capital é a cidade de Santiago de Querétaro, fica situada a uns 200 km ao noroeste da Cidade de México, ainda assim é generalizado o uso de Querétaro para nomear tanto ao estado como à cidade capital. Querétaro é conhecida localmente ou classificada do seguinte modo: a capital é denominada Santiago de Queretaro e o estado como Querétaro de Arteaga, ou simplesmente Querétaro para ambas entidades. Querétaro é um estado cheio de feitos históricos nacionais, e um crescente índice de desenvolvimento industrial e acelerado desenvolvimento empresarial. Contém vários sítios declarados Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco em 1996. (wiki)


À direita, frente do "Palacio de Gobierno", antiga casa de Josefa Ortiz de Domíngues, a "Corregidora". 



Questionário

1 –  V.E.M.M.: Nome completo, idade.


Marina G. T. X. de Souza, 30 anos.

Eu, tomando um café!!

2 – V.E.M.M.: Como veio parar aqui no México, na cidade de Querétaro?

Chegamos no México devido ao trabalho de meu marido, e estamos aqui há nove meses.


3 – V.E.M.M.: O que mais gosta da cidade?

Querétaro é uma cidade "tranquila" e "limpa" para os padrões mexicanos. Das cidades que visitamos na região, me parece que Querétaro tem um bom desenvolvimento industrial, consequentemente econômico. Apesar do desenvolvimento crescente, conviver com locais declarados Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco traz à tona a importância da cultura para esta população. Gosto muito de ir passear no centro histórico, há cafés e muitas praças para conhecer!


4 – V.E.M.M.: O que menos gosta?

Bom, o clima daqui é bem complicado. Durante o dia as variações de temperatura são bem marcadas sendo temperaturas muito altas, e a noite, baixas. Então, se sair de casa durante o dia para voltar no fim da tarde é aconselhável levar um casaco (leve ou mais pesado, dependendo da estação do ano). Se chover em qualquer momento do dia, em poucas horas a grama já está seca.


5 –  V.E.M.M.: E o custo de vida, como é?

Viemos de São Paulo, capital. Nossa comparação inicial foi de que em relação ao custo de vida na cidade de São Paulo, o custo aqui estava mais baixo. Sair para jantar à noite, por exemplo, dependendo do restaurante, é mais em conta. Mas com o tempo, vimos que os custos estão equiparados com o momento que deixamos o Brasil. Tenho a impressão de que meu gasto semanal em mercado fica mais caro do que em São Paulo. Aqui é muito difícil você fazer qualquer coisa sem carro. Onde quer que você more, inevitavelmente você precisará de um carro para se deslocar, o que aumenta o custo, para mim. Serviços, como jardineiro, lavagem de carro, faxina, são baratos se comparados com São Paulo.


6 -  V.E.M.M.: Tratando-se de segurança, como você qualifica a cidade?

Olha, em São Paulo nunca tivemos muitos problemas, mas sempre nos preocupamos com a hora que saíamos, onde íamos, bolsa sempre próxima ao corpo, carteira em local seguro. Aqui, a sensação é diferente, apesar de mantermos nossas precauções. Por estarmos em um país diferente, não sabermos os costumes e a forma como eles lidam com segurança, não mudei minhas atitudes. Se saio de carro, mesmo utilizando o waze, eu verifico como é o local para onde devo ir antes de sair de casa, até mesmo para conhecer a rota. Já tentaram aplicar golpe em meu marido pelo celular, se passando por um conhecido em dificuldades. Desde então não baixamos mais a guarda!


7 – V.E.M.M.: Quais são os pontos turísticos que você indicaria pra um turista que quiser conhecer sua cidade?

Difícil enumerar os passeios. Neste mesmo Blog há dicas incríveis (Clica aqui!) que podem ajudar os visitantes. Mas vamos lá...
Querétaro é uma cidade com muitas opções de passeios culturais e também de fácil acesso para conhecer os pueblos próximos.
Na cidade de Querétaro você pode ir conhecer:

- Acueducto de Querétaro, que foi utilizado para abastecimento da cidade. A vista dos arcos é impressionante seja durante o dia, ou durante a noite. Há bares e restaurantes próximos que valem a pena conhecer. Também próximo aos arcos há um mirador, de onde é possível ter uma visão geral;

- Igreja e o convento "de la Santa Cruz de los Milagros", onde você poderá ver a chegada do Acueducto no convento e a árvore de espinhos em formato de cruz;


Espinho em formato de cruz, de árvore do convento de la Santa Cruz de los Milagros.

- Museus no centro histórico (INAH, por exemplo);

Praça central de Museu no centro histórico.
- Andar no centro histórico para ver a arquitetura;

- Fazer uma caminhada no Parque Querétaro 2000, para praticar ou tentar se inscrever em algum esporte;

- Conhecer a Zona Arqueológica "El Cerrito", que fica em Corregidora. Apesar de ser pequeno, vale a pena esperar os guias para conhecer a história do local;

El Cerrito.
- Durante todo o dia, nas calçadas do centro histórico há grupos de teatro que vendem passeios noturnos, que duram aproximadamente uma hora. Já fiz um, e valeu muito a pena para conhecer algumas lendas populares.

Onde quer que você caminhe pelo centro histórico há Igrejas, hotéis, cafés, prédios públicos... com pátios maravilhosos. Valem a caminhada!!

Próximo à cidade de Querétaro, ainda no estado de Querétaro você pode conhecer:


Peña de Bernal, o terceiro maior monolito do mundo!

Escadaria rumo à adega Freixenet.
- Tequisquiapan...


Igreja central de Tequisquiapan.

Ou seja, é só procurar, que você descobre lugares para passear!


8 – V.E.M.M.: Qual o prato típico da sua cidade?

Tamales, gorditas, enchiladas, tudo com muito chile!


9 – V.E.M.M.: As pessoas te acolheram bem quando você chegou?

Talvez minha maior dificuldade inicial tenha sido chegar sem falar muitas coisas em espanhol. Então os primeiros meses foram bem difíceis. Vizinhos aqui, ao menos onde moro, são bem reservados. O que me ajudou muito foi escolher uma atividade, e procurar uma escola direcionada para tal. Fui muito bem recebida no local da atividade e pelas pessoas. Acho que o mais difícil é que eu não preciso falar nada para que todos saibam que eu não sou daqui do México, então o primeiro contato é mais complicado. Quando não tentam falar em francês comigo eu estou no lucro!!! rsrsrs
Uma amiga mexicana passou meu contato para uma brasileira, e esta me adicionou a um grupo de bate-papo de brasileiras que vivem aqui em Querétaro. Não sei dizer o quanto minha vida mudou depois disso!! Todas se ajudam, com apoio, dicas de onde encontrar produtos, de como substituir algum alimento que não encontramos aqui, médicos...enfim, sou muito grata a todas elas!!


10 – V.E.M.M.: A cidade que você mora tem algum artesanato típico?

As bonecas feitas à mão, e as cerâmicas com pintura "punteada".


11 – V.E.M.M.: Como é o clima da sua cidade?

Em geral seco. Durante o dia com um sol fortíssimo, de 25 a 32C, e à noite, fresca ou fria, em geral 12 a 15C, mas chegou a -1C no inverno. Ao entardecer, costuma ventar muito por aqui. Em nove meses que estou na cidade foi impossível sair a noite de vestido!!


12 – V.E.M.M.: Quais são os bairros bacanas pra viver, de  acordo com classes (média e alta)?

Quase todos os brasileiros que temos contato moram em Juriquilla!! Mas há também o El Campanário, Jurica, El Refugio...


DICAS:


Restaurante imperdível: 

La Burguesa - simplesmente adoro os hambúrgueres e o ambiente!


Pátio da hamburgueria La Burguesa!!
Café imperdível: 

Moser café kultur - mas vejam, fui com amigas e foi ótimo. Tínhamos tempo para esperar o serviço. Fui com meu marido e tenho certeza que com ele...não rolou. O atendimento é rápido, mas o serviço, muito demorado.


É difícil indicar estes serviços. Sempre escolhemos o local pela limpeza e pelos cuidados que "esperamos" que os restaurantes tenham com a comida. Esses dias, fomos com amigos em um restaurante que já conhecíamos, e meu marido passou muito mal, a ponto de ficar internado. Então...muito cuidado ao escolher onde vai. Como não nos acostumamos com o horário de refeições daqui, cozinhamos mais em casa!


Fotos: arquivo pessoal.



*todas as fotos e texto são de responsabilidade do entrevistado em questão. O Blog agradece pela disponibilidade em colaborar! Gracias! Viviendo en el México Mágico!

Share:

3 comentários

  1. Você mencionou (e vi em outras postagens, assim como na internet) que o México tem 31 estados. Comparando com o Brasil, que tem 26, me parece um número considerável de estados. Sabemos que no Brasil temos estados enormes (Mato Grosso, por exemplo, onde moro), Amazonas, Pará, embora com índice populacional pequeno, se compararmos com alguns estados do eixo sul-sudeste.
    Diante disso, fica a pergunta: Os estados são "pequenos", em extensão territorial? Os índices populacionais dos estados mexicanos são altos?
    Desculpem-me, mas fiquei curiosa...

    Abs

    Ely

    ResponderExcluir
  2. São MUITO pequenos, ELY. É impressionante, tem uns estados como Colima, Aguascalientes, Tlaxcala, Morelos, que é impressionante como são pequenos, têm pouquíssimas cidades. Os estados do norte são maiorezinhos, tipo Chihuahua e Coahuila, mas mesmo eles não são grandes se comparados aos estados do Brasil. Chihuahua, que é o maior estado do México, é menor do que Piauí, Tocantins, que consideramos no Brasil estados pequenos. Também acho que é estado demais pro tamanho do país. A Cidade do México é super povoada, mas fora ela, eu acho até bem distribuída a população. Eu acho. Tá mais concentrada nos estados do centro, mas a diferença não é abismal, é pequena.

    ResponderExcluir
  3. Oi! Gostaria de saber se tem panela de pressão para vender aí. Minha sobrinha está de mudança e recebeu a informação que não tem panela pequena e também gostaria de saber se é possível comprar os mesmos produtos que temos no Brasil aí.
    Obrigada!

    ResponderExcluir